www.guajarahoje.com.br
Operação da Policia Ambiental flagra poluição sonora em Bares de Guajará-Mirim Reviewed by Momizat on . A Polícia Ambiental tem intensificado a fiscalização para combater os crimes de poluição sonora em Guajará-Mirim. Na noite de sábado (11), por volta das 21h50mi A Polícia Ambiental tem intensificado a fiscalização para combater os crimes de poluição sonora em Guajará-Mirim. Na noite de sábado (11), por volta das 21h50mi Rating: 0
Você está aqui:Home » Notícias » Operação da Policia Ambiental flagra poluição sonora em Bares de Guajará-Mirim

Operação da Policia Ambiental flagra poluição sonora em Bares de Guajará-Mirim

IMG_4423A Polícia Ambiental tem intensificado a fiscalização para combater os crimes de poluição sonora em Guajará-Mirim. Na noite de sábado (11), por volta das 21h50min policiais ambientais em operação no município, realizaram uma abordagem no bar denominado Tabacaria na Avenida Dom Pedro I, bairro 10 de abril. No local havia som ao vivo e uma grande aglomeração de pessoas.

Os Policiais realizaram aferição dos níveis sonoros através do aparelho denominado “Decibelímetro”, e foi constatado que a leitura captada pelo aparelho estava acima do permitido por lei. Diante da situação, os policiais apreenderam a aparelhagem de som e lavraram o auto de infração.

Outra abordagem.

Durante a madrugada de domingo (12) os policiais realizaram outra abordagem. Desta vez foi na Boate 40 Graus, antigo bar do Gago, na Avenida Forte Príncipe da Beira, bairro Próspero.

No local, um DJ do município estava tocando, mas o som estava em alto volume, conforme foi constatado pela aferição dos níveis sonoros. A aparelhagem foi apreendida e entregue na delegacia de polícia, onde os policiais lavraram o auto de infração.

IMG_4422

Punição

Apreensão dos equipamentos e multas que podem chegar até R$ 10 mil são as principais medidas punitivas adotadas pelos órgãos fiscalizadores. Quando há vítimas de perturbação sonora e aferição dos decibéis no local da infração, pode ser configurado crime previsto na lei das contravenções penais. Os devem ser submetidos a Termos Circunstanciados e as aparelhagens devem ser restituídas somente após decisão judicial.

Fonte: Estação News.

Sobre o autor

Número de entradas : 3569

Deixe um comentário

Todos os direitos reservados a GuajaraHoje

Voltar para o topo