GUAJARÁ-MIRIM ESPERA DE BRAÇOS ABERTOS OS CAMPEÕES DE VOTOS DE 2014. Reviewed by Momizat on . A população de Guajará-Mirim precisa pensar  e decidir até quando vai eleger políticos que estão há quase 20 nos no poder, sendo eleitos com a história da A população de Guajará-Mirim precisa pensar  e decidir até quando vai eleger políticos que estão há quase 20 nos no poder, sendo eleitos com a história da Rating: 0
Você está aqui:Home » Política » GUAJARÁ-MIRIM ESPERA DE BRAÇOS ABERTOS OS CAMPEÕES DE VOTOS DE 2014.

GUAJARÁ-MIRIM ESPERA DE BRAÇOS ABERTOS OS CAMPEÕES DE VOTOS DE 2014.

A população de Guajará-Mirim precisa pensar  e decidir até quando vai eleger políticos que estão há quase 20 nos no poder, sendo eleitos com a história da ponte para a Bolívia.

A população de Guajará-Mirim é conhecida no estado inteiro por ser uma população muito generosa com políticos que conseguem muitos votos e depois somem da cidade. O resultado das eleições para deputado federal em 2014 confirmou essa tendência à generosidade quando depositou milhares de votos para candidatos que somente vão aparecer na cidade outra vez em 2018, quando haverá novamente a eleição.

O site Guajará Notícias fez uma breve avaliação desses políticos e votos para informar os leitores do portal sobre a situação. Na última eleição para deputado federal, ocorrida em 2014, a professora Cristina teve em Guajará-Mirim 3.376 votos. Ela é muita conhecida na cidade e já disputou a eleição para o cargo de prefeita da “Pérola do Mamoré”, em 2012. Em 2014, a professora Cristina foi a mais votada para deputada federal em Guajará, com 3.376 votos. Em segundo lugar, a deputada Marinha Raupp teve 2.978. Uma votação espetacular! Basta o leitor observar que em Rolim de Moura, a cidade da deputada Marinha Raupp, ela obteve apenas 4.591, enquanto a professora Cristina teve 11 votos naquele município. É importante ressaltar que Rolim de Moura tem de 38.951 eleitores. Em Guajará-Mirim, no ano de 2014, votaram para deputado federal 20.080 eleitores. Isto quer dizer que Marinha Raupp tem muito mais votos em Guajará-Mirim.

Mas a esposa do senador Valdir Raupp não é a única campeã de votos na fronteira. A deputada Mariana Carvalho também teve uma votação fantástica, pois sem ter nenhuma base eleitoral na cidade, obteve, em 2014, 1.782 votos. Não localizamos nenhuma emenda da deputada Mariana Carvalho para Guajará-Mirim, mas, com certeza, ela estará de volta em 2018, para pedir votos mais uma vez. Já que comparamos Guajará-Mirim a Rolim de Moura, no município da Zona da Mata, a deputada Mariana Carvalho teve 170 votos. Bem menos que em Guajará, mas Rolim de Moura tem muito mais eleitores. Assim como Mariana carvalho raramente aparece em Rolim de Moura, ela frequenta Guajará-Mirim com a mesma assiduidade, ou seja, uma vez a cada período eleitoral. Não há como negar que o eleitor da fronteira é muito mais generoso.

Entre os oito deputados federais que Rondônia tem atualmente, há outros campeões de votos na fronteira. Lucio Mosquini (738 votos); Expedito Netto (694 votos); Nilton Capixaba (450) e Lindomar Garçon (321 votos) também tiveram votações expressivas em Guajará-Mirim. Para não fugir do parâmetro de comparação, Lindomar Garçon teve 75 votos em Rolim de Moura. Curiosamente, os deputados federais menos votados em Guajará-Mirim, Marcos Rogério e Luiz Cláudio, que tiveram cerca de 100 votos na cidade, já conversaram com o prefeito Cícero Noronha e estão trabalhando para ajudar o município, e a nova administração. Luiz Cláudio inclusive já tem agenda para se reunir com Noronha nos próximos dias e encaminhar algumas situações mais urgentes.

A população de Guajará-Mirim precisa pensar sobre esses fatos e decidir até quando vai eleger políticos que estão há quase 20 nos no poder, sendo eleitos com a história da ponte para a Bolívia. Está na hora de a população da “Pérola do Mamoré” deixar de ser tão generosa com políticos tão indiferentes. Acorda, Guajará!!!

Fonte:  Guajará Noticias

Sobre o autor

Número de entradas : 4067

Deixe um comentário

Voltar para o topo